05/11/07

Coisas que nos marcam...


Estou desolada! A minha auto-estima foi ao tapete! Fui alvo de uma derrota impronunciável. Nos matrecos!!!!

12 comentários:

Sílvia disse...

Isso ainda existe?? Lembro-me tao bem das tardes de verao, no cafe dos meus pais, os jogos de matrecos... Deixa la, ha coisas piores ;)

ContorNUS disse...

acontece... parabéns pelo blog

rps disse...

Não acredito!

K disse...

vais ter direito à tua desforra! Mas nestas coisas, já se sabe, umas vezes ganha-se, outras não.

Maria Viene disse...

Silvia, minha querida, não me recordes certas tardes de Verão ;)

Contornus: não podia ter acontecido. Não podia, por muitos motivos :)
e obrigada pela visita!

Acredite, caro rps, que eu só minto às vezes e, agora, não é o caso!
Perdi! Aliás, uma humilhação e...

diz que gosta de mim,
jura-me amizade até ao fim dos nossos dias...
enfim,
não fossem as lições deping-pong...
não sei como seria...

k,

já pedi a desforra...a ver vamos!

jg disse...

Ainda gostava de conhecer uma mulher que me batesse aos matraquilhos!!!!
Contos de reis que investi ao longo de anos iriam por água abaixo?! Nolo creo!!!!!

Maria Viene disse...

Contos de reis :) no es verdade!

Considera-te desafiado para uma partida de matrecos, JG!!!!! ;)

GRaNel disse...

Contos de reis JG? Quando era miudo jogava a 2 escudos e 50 centavos. Presumo que jogou mais barato ainda. Chegar a tal quantia era elevar os matrecos à escala dos vicios e dos pecados mortais...

nefertiti disse...

eu sou (quase) imbatível!

Claudia Sousa Dias disse...

Ainda bem que foi só nos matrecos!!!

CSd

Funes, o memorioso disse...

Inacreditável!
Dez comentários, e nenhum a dizer com sotaque brasileiro: "pingolim é mtraquilho".

Dalaila disse...

Em Guimarães, oa matrecos têm um nome diferente - pecebricos